FANDOM


Arkhamlogo

ALERTA DE SEGURANÇA

Para esta wiki ser mais informativa, os artigos a seguir contém spoilers, ou seja, leia por sua conta própria e riscos.

Alfred Pennyworth

AlfredAK

Alfred Pennyworth AC

Alfred-pennyworth (1)

Informações Biográficas
Nome Verdadeiro Alfred Pennyworth
Ocupação Mordomo
Fica em Gotham City
Afiliações Bruce Wayne
Tim Drake
Dick Grayson
Lucius Fox
Barbara Gordon
James Gordon
Batman
Lester Kurtz
Robin
Asa Noturna
Batgirl
Oráculo
Descrição Física
Cor dos Cabelos Grisalhos (antigamente pretos)
Cor dos Olhos Azuis
Altura 1.83 m
Peso 73 kg
Informações de Jogo
Aparece em Batman: Origens do Arkham
Batman: Arkham Origins
Cold, Cold Heart
Batman: Ataque ao Arkham
HQ de Batman: Arkham City
Batman: Arkham City Exclusive Digital
Batman: Arkham City
Arkham Knight - Robin
Batman: Arkham VR
O Lance do Charada
Batman: Arkham Knight
Dublador Martin Jarvis
(em inglês)
Pádua Moreira
(Arkham Origins, Arkham Knight, em português)
Júlio Chaves
(Ataque ao Arkham, em português)
Primeira Aparição Batman nº 16 (abril-maio/1943)
Passou a hora do senhor perceber que é um homem, não uma ilha. E a força de um homem vai além dos músculos e da inteligência, também depende de seus aliados.
— Alfred para Bruce Wayne

Alfred Pennyworth, após uma carreira variada, foi contratado como mordomo da família Wayne quando os pais de Bruce Wayne foram assassinados. Alfred criou o jovem órfão e relutantemente o ajudou em sua busca para se tornar o Batman. As muitas habilidades de Alfred - da culinária à medicina - o tornam o aliado mais leal de Batman, além do comportamento formal que mantém o Cavaleiro das Trevas sob controle e desvia a atenção de quem suspeita da identidade real de Bruce Wayne.

Relatório de incidentesEditar

Antes de Origens do ArkhamEditar

Sua história é cheia de mistérios e pouco se sabe como e em que trabalhava antes de ser mordomo da família Wayne, apenas se sabe que ele já serviu a forças militares no passado. Ele também já trabalhou como ator de teatro por um certo período, tendo uma certa experiência em medicina, além de ser um excelente cozinheiro.

A família de Alfred já trabalhou como mordomos da família Wayne antes dele entrar, sendo Alfred um descendente responsável por essa geração. Após o assassinato dos pais de Bruce Wayne (Thomas e Martha Wayne), Alfred passou a criar o jovem.

Quando Bruce cresceu, ele saiu em uma viagem ao mundo, com o intuito de aprender sobre a psicologia criminal. Quando ele voltou, Alfred o recebeu de braços abertos, e Bruce havia se tornado experiente em todos os tipos de artes-marciais e determinado a acabar com o crime de Gotham, de forma limpa e sem mortes. Alfred odiou a ideia, mas ficou sem escolha e apoiou Bruce em sua missão. Junto a Lucius Fox, Bruce criou um traje semelhante a um morcego para poder amedrontar os criminosos e criar uma espécie de "mito". Bruce age como "Batman" por dois anos, conseguindo impedir três crimes de destaque, envolvendo o Capuz Vermelho, onde Batman acabou tentando pegar um criminoso que usava uma famosa máscara vermelha de um antigo criminoso, mas acaba dando errado e o suspeito cai em líquido tóxico, desaparecendo; ele também resolveu um envolvendo a família Falcone e a família Maroni, e capturou Julian Gregory Day, que estava agindo como o "Homem-Calendário", que matava as vítimas em feriados.

Isso havia feito Gotham começar a acreditar que o tal "Batman" era um mito, enquanto outros acreditavam que ele era real, as opiniões variavam.

Incidente de Origens do ArkhamEditar

A história desta HQ é interativa, para vê-la com mais detalhes entre em Batman: Origens do Arkham.

Alfred ajudou Bruce a impedir que o Máscara Negra matasse o Pinguim em uma armadilha usando Alexandra Dent, a irmã de Harvey Dent, novo promotor de justiça de Gotham City.

Incidente de Arkham OriginsEditar

Alfred ajudou Bruce por dois anos, mas na véspera de Natal, uma fuga em massa liderada por Máscara Negra ocorreu em Blackgate. Mesmo sendo véspera de Natal, Bruce foi na prisão e Alfred o auxiliou durante a noite. Ele havia descoberto que Máscara Negra contratou 8 assassinos para matá-lo, e Bruce achava melhor ir atrás deles antes que eles os buscassem, já que os assassinos colocariam inocentes para atrair Batman. Alfred no entanto havia descordado da ideia, acreditando ser mais seguro ficar em casa.

Mais tarde naquela noite, Batman descobriu que Roman Sionis havia sido pego por um sujeito misterioso e ele assumiu sua identidade, mandando os assassinos, ou seja, Sionis não era a pessoa que Bruce procurava, mas ele procurava "o Coringa", o tal sujeito que havia sequestrado Roman. Ele havia se revelado em uma reunião com alguns assassinos restantes e, junto com Bane (um dos assassinos contratados) enfrentaram Batman pela primeira vez. Durante a luta, Bane fugiu e quase matou Batman e Coringa, e o mesmo foi salvo pelo Morcego. Alfred e Bruce discutiram sobre as atitudes quase suicidas que ele estava tendo, mas Bruce não deu ouvidos e continuou sua busca pelo Bane.

No fim daquela noite, Bane (que já sabia a um tempo a real identidade do Batman antes da véspera de Natal) atacou a Batcaverna e Alfred, que quase morreu, foi salvo por Bruce. Então, após animá-lo novamente a continuar como Batman, Bruce foi a Blackgate para tentar acabar com outra rebelião que o Coringa causou, com Alfred atrás do Bat-Computador e Bruce tentando conseguir ajuda do Capitão James Gordon. Bruce impediu Bane e o Coringa de matarem Gordon e o Diretor Joseph (que estavam de reféns), e a confiança de Gordon em Batman aumentou, junto ao Departamento de Polícia de Gotham City, e aos poucos, eles se tornaram verdadeiros aliados.

Incidente de Cold, Cold HeartEditar

Alfred e Bruce, durante a virada do ano, homenagearam na Mansão Wayne o CEO da GothCorp Ferris Boyle. A festa ocorreu por questões políticas, já que Bruce acreditava que ele e sua empresa ajudariam Gotham. A festa no entanto foi interrompida por um sujeito em uma grande armadura térmica que se intitulava "Sr. Frio". Alfred levou os reféns da festa para um local seguro e Bruce correu até a Batcaverna, vestiu seu Bat-Traje e investigou o caso.

Mais tarde naquela noite é revelado que Ferris Boyle enganou um tal de Dr. Victor Fries, que trabalhava para Boyle enquanto tentava arranjar uma cura para a doença de sua esposa que estava num sono criogênico, Boyle, ao conseguir o que queria, quebrou o acordo com Victor e quase o matou, Victor então entrou na armadura criogênica que o mantinha em uma temperatura ideal para que ele sobrevivesse, e foi buscar vingança. Bruce deteve Fries de matar Boyle, e prendeu ambos por seus crimes, fechando a GothCorp junto.

Entre Arkham Origns e a HQ Arkham CityEditar

Durante o meio-tempo, Alfred continuou ajudando Bruce em sua jornada. Ele ajudou Bruce e Fox a desenvolver novas tecnologias para o Batman e aprimoraram a Batcaverna.

Ao ver os pais de Dick Grayson sendo assassinados em um circo, Bruce adotou o garoto por se identificar com o ocorrido. Quando Dick descobriu sobre a Batcaverna, Bruce o treinou e ele virou Robin, um aliado ao combate ao crime de Gotham.

Barbara Gordon, filha do Comissário Gordon, também descobriu sobre Bruce, e usou isso par também ser treinada e virar a Batgirl. Ela também era especializada em computadores e Alfred a ajudou com uma base na Torre do Relógio.

Dick discutia muito com Bruce, até o dia em que decidiu se mudar de Gotham e ir para Blüdhaven, onde se tornou o Asa Noturna e deixou o manto de Robin, que passou para Jason Todd, um órfão que salvou Batman do Coringa em uma de suas patrulhas noturnas.

Jason era muito impulsivo, o que levou ele querer matar o Coringa e acabar com as atrocidades que ele cometia. Isso no entanto resultou com Jason capturado e dado como morto pelo Palhaço do Crime.

Bruce havia entrado em depressão após a morte de Jason, e graças a Alfred e Dick Grayson, ele foi animado a voltar a agir como Batman, isso porque um jovem chamado Tim Drake, que sabia que Bruce Wayne era desde a época que Grayson era Robin, o convenceu que Bruce podia treiná-lo. Tim virou o novo Robin, e apesar de não fazer parte da família oficialmente, ele era considerado por Bruce e Alfred como um filho.

Barbara Gordon foi baleada pelo Palhaço em uma noite, e ficou aleijada, deixando o manto de Batgirl e se tornando o Oráculo, que ajudava o Morcego por trás dos computadores.

Em uma noite em que o Coringa foi finalmente capturado e enviado ao Asilo Arkham, um motim ocorreu liderado pelo próprio Palhaço do Crime. Ele criou um novo Veneno (a substância que Bane usava para ficar mais forte e monstruoso), apelidado de Titan, e aplicou ele em si mesmo, o tornando um monstro incrivelmente forte e furioso. Batman no entanto havia desenvolvido uma cura com a ajuda de Oráculo, e conseguiu fazer o Palhaço voltar ao normal, o que ele não sabia é que isso causou uma doença no sangue do Coringa, que viria a se mostrar após um tempo.

Incidente da HQ Arkham CityEditar

Alfred ajudou Bruce a se infiltrar na nova super-prisão Arkham City, e manteve contato com ele quando Bruce usou a identidade de Lester Kurtz para entrar no lugar.

Incidente de Arkham CityEditar

Quando Batman ficou preso em Arkham City, Alfred se comunicou com Bruce durante a noite inteira, junto a Oráculo. Ele rastreia algumas pessoas e coisas que o Batman precisou durante a noite.

Batman foi infectado pelo sangue contaminado de Titan do Coringa, e precisou correr atrás de uma cura durante a noite inteira. Alfred lhe deu assistência e eles conseguiram a cura graças ao Sr. Frio, que também estava preso em Arkham City. A cura no entanto não chegou ao Coringa a tempo, que morreu naquela noite.

Incidente de Arkham Knight - RobinEditar

Alfred ajudou Tim Drake em seu treinamento após Arkham City ser fechada.

Incidente de Arkham KnightEditar

Após Gotham City ser evacuada, Alfred se manteve na Batcaverna e passou as instruções de Bruce sobre o que ele precisava, desde os Mais Procurados até substituir Barbara Gordon quando ela foi capturada.

O Espantalho finalmente conseguiu capturar Batman, Robin e o Comissário Gordon, e fez Batman revelar ao mundo sua identidade. Após ser vencido e preso pelo Batman, ele pede a Alfred para iniciar o Protocolo Knightfall, que matou ambos na Mansão Wayne com uma grande explosão.

PersonalidadeEditar

Alfred é descrito como um homem sábio e um fiel ajudante, ele sempre está disposto a ajudar o vigilante Batman em que ele precisar, além de ser um amigo fiel de Bruce Wayne. Alfred tem uma experiência e conhecimento misteriosos, porém isso não é ruim, afinal, ele é o melhor amigo que Bruce poderia ter um sua jornada como vigilante. Sabe-se que Alfred já foi um ator, o que lhe dá a habilidade de fingir ser quem não é facilmente.

AparênciaEditar

Alfred sempre está vestindo seu terno com uma gravata borboleta, além de carregar consigo uma bandeja com o que Bruce precisar no momento (desde comida, até Equipamentos). Com olhos mais detalhistas sobre o personagem, percebe-se um envelhecimento de Alfred, desde Batman: Arkham Origins até Batman: Arkham Knight. Ele tem uma postura formal e jeito elegante, sabendo portasse em diferentes situações.

Perfil psicológicoEditar

Alfred diz ter sido um ator premiado antes de trabalhar como mordomo da família Wayne, mas há registros de que ele trabalhou com inteligência militar. O emprego como ator pode ter sido um disfarce, ou então as artes dramáticas eram um talento importante para alguém da inteligência. Alfred nunca fala sobre o assunto, mas seu avançado conhecimento médico sugere que ele foi muito mais do que um simples ator. Alfred ainda tem dificuldades para aceitar a vida dupla de Bruce Wayne, e não para de pressionar Bruce para que desista da luta e busque objetivos mundanos.

Alfred PennyworthEditar

  • Nome Verdadeiro: Alfred Thaddeus Crane Pennyworth

AtributosEditar

  • Ator habilidoso
  • Treinado em técnicas médicas de emergência
  • Proficiência em sistemas mecânicos e computadorizados
  • Especialista em economia doméstica
  • Humor imperturbável
  • Diferente do Batman, Alfred está disposto a empunhar armas de fogo em tempos de crise

NotasEditar

  • Mordomo por muito tempo da família Wayne.
  • Guardião legal de Bruce Wayne quando jovem.
  • Amigo de confiança e companheiro leal.

GaleriaEditar

CuriosidadesEditar

  • A biografia de Alfred pode ser desbloqueada em Batman: Arkham Asylum.
  • Batman: Arkham Origins é o primeiro jogo da série que vemos Alfred pessoalmente, fora do sistema de comunicação.
  • No multijogador de Arkham Origins, Alfred é ouvido enquanto se joga como Batman ou Robin dando dicas táticas e de vantagens.
  • Depois que Bane destruiu a Batcaverna, Alfred foi temporariamente morto, porém, Bruce o salva dando pulsos-elétricos em seu coração para reanimá-lo.
  • Em Arkham Origins, se você ficar voltando na Batcaverna e ficar conversando com ele, o jogador ganhará 1 de XP pela "Sabedoria do Alfred".
  • Alfred é o único membro da Bat-Família que nunca serviu de refém.
  • Alfred tem sua própria cena pós-morte.

Links externosEditar

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.